Copywriting: veja como dominar a arte das palavras que vendem!

Copywriting

Encantar com palavras, fazer o seu consumidor comprar seu produto através de um texto, criar engajamento. Todos esses exemplos fazem parte desta arte denominada Copywriting! 

Mas você sabe o que é, para que serve e como essa técnica pode te ajudar a engajar seus clientes? Leia este texto e veja como dominar a arte das palavras que vendem!

O que é Copywriting

Nada mais é do que a estratégia de produção de textos persuasivos para Marketing e Vendas com o objetivo de gerar conversões e vendas.

Alguns exemplos são: endereços eletrônicos, sites, anúncios, catálogos e outros.

Para ser mais específico, o copywriter articula histórias para ajudar os leitores a entenderem porque determinado produto pode trazer benefícios para sua vida e, assim, efetuar a compra.

Qual a diferença entre Marketing de Conteúdo, Copywriting e Redação Publicitária?

O copywriting trabalha com uma forte pesquisa das necessidades dos compradores e com análise de desempenho em diversos detalhes do texto, focando no resultado a curto prazo daquela ação.

Já o marketing de conteúdo se preocupa mais com a jornada do consumidor, atraindo novos clientes por materiais como blog, posts, ebooks e infográficos. Geralmente, os resultados do marketing de conteúdo são percebidos somente a médio e longo prazo.

Por último, a redação publicitária está mais envolvida com a construção da imagem da marca, pensando em ações que farão seu projeto ser reconhecido pelo público.

Vale ressaltar que, apesar de cumprirem papéis distintos, o copywriting é fundamental para sua estratégia de marketing de conteúdo, e vice-versa.

Agora que você já sabe o que é um copy, vamos identificar como escrever um bom texto:

O que preciso fazer para deixar meu texto atrativo?

 

Existem 3 passos básicos que devem ser respeitados na produção de qualquer conteúdo para Marketing Digital

  • inspirar o leitor;
  • criar um relacionamento com a marca;
  • motivar os leitores a tomarem uma atitude em relação ao serviço ou produto.

Além disso, USE E ABUSE DE GATILHOS MENTAIS!

O que são gatilhos mentais?

São um conjunto de ações específicas que vão despertar no sistema límbico (responsável pelas emoções) um desejo de compra ou de execução de alguma ação.

Os principais gatilhos mentais:

🔵Reciprocidade: “Estou te oferecendo esse ebook grátis.”Gere valor e será retribuído. Um exemplo desse gatilho em nosso dia a dia é quando um amigo lhe oferece uma carona hoje, você se sente na obrigação de oferecer uma carona quando ele precisar.

 E assim funciona no processo de vendas. Quando você gera conteúdo de valor para o seu cliente ele retribui?

🔵Prova social: um dos gatilhos mais importantes para vendas através da internet. 

Exemplo: 

-Depoimentos de clientes que já utilizaram seus produtos;

-Cases de sucesso de um treinamento entre outros.

🔵Autoridade: “Compre meu produto, ele é referência entre a concorrência” A autoridade é um gatilho mental poderoso para o seu negócio. Você pode transmitir às pessoas que a sua marca é uma autoridade no segmento que atua, gerando mais confiança e segurança na hora de fechar um negócio.

🔵Escassez: “Vagas limitadas!” Gatilho muito utilizado para fazer a pessoa decidir comprar o mais rápido possível. 

🔵Urgência: “Promoção expira em 15 minutos” Gatilho muito próximo ao gatilho da escassez, porém o gatilho da urgência está ligado ao fator tempo. O objetivo do gatilho é fazer com que a pessoa compre logo pois o tempo está esgotando.

Se você precisa de ajuda para te auxiliar em questões relacionadas ao marketing, site e muito mais entre em contato com a Pd3 Digital!

Somos especialistas no assunto e podemos te ajudar a implementar novas ferramentas e dar uma cara nova para o seu site. 

Clique aqui e converse com a nossa equipe! Não esqueça de deixar o seu comentário sobre o nosso artigo.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Pesquisar conteúdo

Materiais Gratuitos

Confira também

Fale no Whatsapp