Como funciona um funil de vendas no marketing digital?

Se você quer aumentar suas vendas e acha que isso pode acontecer da noite pro dia, está muito enganado. Para que isso se realize, é preciso ter uma estratégia bem definida chamada: funil de vendas e é sobre isso que você vai aprender hoje. Vem com a gente?

O que é o Funil de Vendas no Marketing Digital?

Social Media Marketing GIF by Trazoz - Find & Share on GIPHY

De forma bem simplificada, o funil de vendas no Marketing Digital é a trajetória de um usuário comum até o momento que ele se torna um cliente efetivo e fiel da sua marca.

Dentro desse trajeto o usuário passa por alguns estágios: topo, meio e fundo do funil. Em cada etapa é preciso ter um  planejamento de como você irá abordar esse usuário para que ao final desse funil ele se torne seu consumidor final. Além do mais, seus conteúdos precisam seguir uma linha de raciocínio também, eles precisam se conectar com a linguagem e a necessidade do usuário em cada etapa do funil.

Sendo assim, chegou a hora de falar dos tipos de conteúdos ideais para serem trabalhados em cada uma das etapas. 

Topo do Funil 

Nessa etapa você tem que ter em mente posts para atrair visitantes. Quanto mais, melhor. 

Além disso, procure dar todas as informações possíveis sobre o seu negócio para que os usuários se sintam interessados e continuem em sua jornada até a compra.

Exemplos de conteúdo

  • Artigos publicados em um blog corporativo ou em sites do setor – Estes textos devem ser originais, de qualidade e voltados para as necessidades do usuário. 
  • Webinars – Muito úteis, porque têm um objetivo educativo e de divulgação. É um formato ideal para dar respostas às questões iniciais de um usuário, quando ele ainda não tem plena consciência da sua necessidade. 

Meio do Funil

Nessa etapa o usuário já conhece você, portanto é a hora perfeita para você aprofundar um pouco mais esse relacionamento, mostrando que você tem aquilo pelo que o cliente está procurando. 

Exemplos de conteúdo

  • E-books, guias e white papers – Têm um nível mais alto de qualidade, tanto no conteúdo como no design, e são ideais para aprofundar temas de interesse do usuário. Mas para baixá-los o usuário precisa preencher um formulário com os seus dados. 
  • Infografias – São apresentações esteticamente muito atrativas que exibem informações relevantes para o usuário de forma esquemática e com material audiovisual, chamativo e com pouco texto. 
  • Casos de sucesso – São depoimentos de outros usuários com o objetivo de apresentar experiências positivas com o produto ou a marca. 

Fundo do Funil

Agora o usuário já tem a sua atenção voltada para a sua mídia social e interesse pelo conteúdo que ela oferece, então chegou o momento de mostrar porque a sua empresa deve ser escolhida como a solução que ele busca.

Exemplos de conteúdo

  • Cupons de desconto, para ajudar o cliente a tomar a decisão, e acabar comprando. 
  • Demonstrações ou versão trial (tempo limitado), no caso de um software, ou convites para uma demonstração gratuita do produto. 
  • Estratégias de e-mail marketing – São e-mails com informações atualizadas da empresa, marca, produtos ou serviços. 

E pronto! sua estratégia de funil de vendas está pronta. Pensou que era fácil, né? Agora que você sabe como funciona, precisa nos conhecer para juntos te ajudar a criar o seu planejamento. Clique aqui e entre em contato com a gente. 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Pesquisar conteúdo

Materiais Gratuitos

Confira também

Fale no Whatsapp